Margaret Atwood

















Poema de Margaret Atwood vítima de minhas experiências masturbotradutórias.

Habitation

Marriage is not
a house, or even a tent

it is before that, and colder:

the edge of the forest, the edge
of the desert
                      the unpainted stairs
at the back, where we squat
outdoors, eating popcorn

the edge of the receding glacier

where painfully and with wonder
at having survived
this far

we are learning to make fire.

In Selected Poems  (1965-1975). Mariner Books, Boston, 2007.

* * *
Habitação

O matrimônio não é
uma casa, ou mesmo uma tenda

é antes disso, e mais frio,
o limite da floresta, o limite
do deserto
                  a escada sem pintura
da entrada dos fundos, onde
ficávamos agachados, comendo pipoca

o limite de geleira em recuo

onde com sofrimento e com a surpresa
de ter chegado
tão longe

estamos aprendendo a fazer o fogo.

Comentários

Postagens mais visitadas