Lugar estranho

Resultado de imagem para In my mind



Hora de recolher-me
à concha original
donde vieram meu andar
à beira-abismo
e meu chapéu de nuvens.
É estranho guardar-me
em mim mesmo,
nesse lugar sobre o qual
não sei quase nada,
embora dele parta
em expedições suicidas
ao mundo das carnificinas.

Também há guerras 
em estreitos interiores escuros.
O circo pega fogo,
o couro come.
Placas tectônicas movem-se nas cavernas da mente.
Tudo tão igual,
tudo tão diferente.

A maior parte do terreno,
no entanto, nunca foi pisado antes.
Sinapses abrem passagem
ao indevassável.
Vou caminhar por algum tempo
em terras de línguas desconhecidas.
Se não é um mar de serenidade,
a cidade interior
é o único abrigo possível.



Comentários

Postagens mais visitadas