Os dois lados da rua



The house of Lazarus, William Blake
 



















A Rua Marquês de Valença
começa na minha infância
e acaba comigo.

Morei no lado direito,
morri no lado esquerdo.

Morri de na na ni na não
e vê se te manca.

Agora,
em pleno Largo da Segunda-feira,
sonho-me Lázaro
sem força para voltar aos vivos.


Comentários

Postagens mais visitadas