Dia dos namorados




















Hoje é o dia D
amanhã será outro dia de
depois de amanhã mais um dia D
sempre um dia de qualquer

O alfabeto do comércio
sempre incompleto.

Quem precisa de campanhas
para se lembrar dos afetos?

E eu aqui de sacanagem
fingindo que faço versos
e o meu amor
do outro lado do universo.

Postagens mais visitadas