Aos que prescrevem receitas de poesia



T.S. Eliot sabia que a poesia é plural:

"Creio que o melhor que se pode fazer por um jovem poeta é criticar em detalhe um determinado poema seu, discutir com ele, se necessário; dar-lhe uma opinião, e, se houver alguma generalização a fazer, que ele mesmo a faça. Descobri que as diferentes pessoas têm maneiras diferentes de trabalhar e que as coisas lhes vêm de formas diferentes. Ao se fazer uma afirmação, nunca se tem certeza se é válida para todos os poetas em geral ou se se trata de algo que só se aplica a si mesmo. Não creio que haja nada pior do que tentar formar as pessoas à sua própria imagem e semelhança".



(Entrevistada a Donald Hall, Paris Review nº 21, verão de 1959, incluída em Os escritores: as históricas entrevistas da Paris Review. São Paulo: Cia. das Letras, 1988)

Postagens mais visitadas